Higienização adequada em hospitais ainda é a melhor medida para prevenção de infecções e outras doenças

A higienização dos ambientes internos de hospitais é fundamental para garantir a segurança e a saúde de funcionários e pacientes. Além de prevenir doenças e manter os locais em perfeito estado, a limpeza evita a proliferação de bactérias e a disseminação de doenças.

Segundo a chefe do serviço de controle de infecção hospitalar do Hospital Nossa Senhora das Graças, Viviane Maria de Carvalho Hessel, a limpeza inadequada de leitos, banheiros e outros ambientes pode trazer complicações. “O paciente pode adquirir uma infecção hospitalar através de objetos e locais contaminados que pode agravar o estágio da doença e aumentar o tempo de permanência no hospital. Em alguns casos, pode levá-lo ao óbito”, explica.

Para evitar a disseminação de bactérias em hospitais, Viviane destaca que a higienização deve ser feita por profissionais preparados para lidar com esse tipo de serviço. “A equipe de limpeza deve estar capacitada para retirar o lixo, controlar produtos de limpeza e saber sobre o correto destino de matéria orgânica para que a possibilidade de contaminação seja reduzida” orienta.

O importante é investir na qualidade destes serviços, garantindo a saúde tanto do paciente quanto do funcionário. É extremamente necessário que o profissional tenha uma instrução adequada para atuar corretamente já que a limpeza é realizada diariamente em todas as áreas seja administrativa, em leitos, fachadas ou em centros cirúrgicos, UTI’s e berçários.

Para que o funcionário possa trabalhar de forma responsável, o Grupo PoliService realiza específicos cursos para capacitação e preparo de equipes que atuam em hospitais. No qual o colaborador realiza um treinamento recebendo um material e aprendendo sobre todos os procedimentos como o uso obrigatório de EPI’s (equipamentos de proteção individual) e instruções práticas. Essa medida só reforça o nosso compromisso com a saúde do cidadão.

Higiene Hospitalar: recomendações preventivas

– Profissionais que atuam na higienização de hospitais devem ser treinados e capacitados, dessa forma, a limpeza é feita de forma correta com uso de equipamentos de proteção e por meio de procedimentos adequados.

– Os produtos utilizados devem ser de boa procedência; recomenda-se o uso de materiais registrados.

– Pacientes, visitantes e funcionários devem estar sempre atentos a higienização das mãos.

– Profissionais de saúde devem sempre usar luvas e avental, evitando a transmissão cruzada entre pacientes.