Qual serviço atende melhor a sua necessidade: vigia ou vigilante?

Há diferenças nas funções de vigia e de vigilante que são fundamentais no momento da busca pelo profissional que atenda os seus objetivos. Essas duas profissões não exercem o mesmo papel, já que o vigilante desempenha atividades mais abrangentes e ostensivas, enquanto que o vigia tem funções mais “leves”.

A empresa contratante do serviço deve ter conhecimento dos direitos e deveres de cada profissão e, só então, escolher aquela que mais se adequa às necessidades. Para começar, saiba que o vigia cuida apenas da observação e fiscalização do local sem o uso de arma de fogo. Se você precisa de um profissional para proteger o patrimônio, fazer rondas ostensivas, fazer a segurança de pessoas, é necessário buscar um vigilante.

O vigia não tem a profissão regulamentada por lei, porém é um profissional que pode trabalhar em locais que não demanda de uma segurança de alto risco. Já o vigilante tem a profissão reconhecida e regulamentada pela lei 7.102/1983 e é contratado para estar à frente da vigilância patrimonial de estabelecimentos públicos ou privados, da proteção de pessoas físicas, do transporte de valores e de carga.

Não existe vigilante autônomo. O serviço é realizado somente por meio de empresa especializada e autorizada pela Polícia Federal, como a PoliService. Listamos abaixo as principais características do trabalho do vigia e do vigilante para você fazer a melhor escolha!

Vigilante

O vigilante protege a vida e o patrimônio das pessoas. Para isso, o profissional deve passar por treinamento específico inclusive de porte de arma. Os requisitos para realizar o curso de formação e seguir carreira são:

– Ser brasileiro;

– Ter idade mínima de 21 anos;

– Escolaridade correspondente à 4ª série do primeiro grau;

– Ser aprovado em exame de saúde física, mental e psicotécnico;

– Não ter antecedentes criminais;

– Estar quite com as obrigações eleitorais e militares.

Após a aprovação no curso, o profissional deverá realizar os exames de saúde uma vez ao ano e reciclagens a cada dois anos para manter-se preparado para a atividade profissional.

Vigia

O vigia faz a fiscalização do patrimônio, sem o uso de arma de fogo é responsável pela guarda e zelo do patrimônio. Para essa função não é exigido curso de formação. Os vigias fazem a guarda de condomínios, empresas e outros estabelecimentos pode ser a pé ou motorizados. Para esse profissional, a Poliservice tem um rígido sistema de contratação onde são analisados antecedentes, experiência do profissional e entendimento sobre serviços de segurança.

Oferecemos supervisão 24 horas por dia para garantir a qualidade e segurança que nossos clientes precisam e constantemente fazemos treinamentos e conversamos com nossos colaboradores sobre as novidades no campo da segurança, essas ações no dia a dia possibilitam mais expertise e experiência para nossos profissionais.

A PoliService oferece o serviço de vigilante e vigia com qualidade e segurança.  Entre em contato conosco: www.poliserviceservicos.com.br

Fontes: www.bemparana.com.br / Dr. Segurança